03/01/2017

Educação para os Media (ii)



Dos Recursos de Educação para os Media, destacamos


"Aprender com a Biblioteca Escola", Rede de Bibliotecas Escolares
Referencial de aprendizagens associadas ao trabalho das bibliotecas escolares na educação pré-escolar e no ensino básico.

"Joga e aprende: estar online"
Livro de Atividades dirigido à Educação Pré-Escolar e ao 1.º Ciclo do Ensino Básico.


Brochura "The Web We Want – A Internet que queremos"
Destinado a jovens entre os 13 e os 16 anos, este recurso, tão necessário a professores, jovens e pais, foi criado com a participação ativa de adolescentes de toda a Europa, aprovado pela Comissão Europeia e traduzido para português.


"Um Guia para os Pais - Educação e os Novos Media"
Este Guia para Pais, publicado no âmbito do projeto Seguranet, disponibiliza importantes orientações e exemplos sobre como lidar com os novos Media durante o processo de Educação de crianças e jovens.

Blogue P23
Projeto "Público" na Escola


MediaLab
Iniciativa do jornal Diário de Notícias, propondo às escolas diversas atividades em torno da produção de jornais.

"Photography as a pedagogical tool" 
Projeto eTwinning com a participação de Portugal recebe prémio eTwinning em 2014


"Toolkit - Digital & Media Literacy Education"
Esta publicação oferece um guia para docentes sobre Literacia Digital e para os Media, organizado em torno de cinco tópicos: "Participation", "Credibilidade", "Identidade", "Privacidade" e "Autoria e Criatividade".


"Alfabetização Mediática e Informacional, Currículo para Formação de Professores", UNESCO
Versão em português do Currículo da UNESCO para formação de professores em alfabetização mediática e informacional, debatido por diversos especialistas ao longo dos últimos cinco anos.


"Media and Information Literacy - Policy and Strategy Guidelines", UNESCO
Documento da UNESCO que reúne uma interessante série de linhas orientadoras para a definição de políticas no âmbito da Literacia da Informação e dos Media.


União Europeia - Programa Media (secção de estudos)


European Association for Viewers Interests
A journey to mdia Literacy - the media community
OfCom - reunião de recursos de investigação na área da Educação para os Media.
Recursos Multimédia:
Webinar DGE sobre o Referencial de Educação para os Media:
Webinar DGE sobre o Selo de Segurança digital:
Webinar DGE Crianças e internet: Historial, tendências e perspetivas da rede EU Kids Online (2006-2014) :
Webinar DGE Media Smart Programa de Literacia para a Publicidade :

Outros recursos multimédia:


Fonte: http://www.dge.mec.pt/educacao-para-os-media


Educação para os Media



Educação para os Media

A Educação para os Media pretende incentivar os alunos a utilizar e decifrar os meios de comunicação social, nomeadamente o acesso e utilização das tecnologias de informação e comunicação, visando a adoção de comportamentos e atitudes adequados a uma utilização crítica e segura da Internet e das redes sociais.

Entidades e projetos relevantes nesta área:
Recursos:

Fonte: http://www.dge.mec.pt/educacao-para-os-media 

02/01/2017

2017 - Autores que entram em domínio público em 2017




Autores que entram em domínio público em 2017

Continuando o trabalho de pesquisa efectuado em anos anteriores, a Associação Ensino Livre acaba de publicar uma lista de autores cujas obras entram em domínio público em 2017. Abaixo apresentam-se os escritores lusófonos que constam na referida lista; para informação mais detalhada, incluindo autores estrangeiros como Gertrude Stein, H. G. Wells e John Maynard Keynes, podem consultar a página da associação.

Abel Salazar
Afonso Lopes Vieira
Alberto Cardoso de Meneses
Alberto da Cunha Rocha Saraiva
Alberto Osório de Castro
Alfredo Cortês
Alice Moderno
Álvaro R. Machado
Américo Amarelhe
António Barbosa
António Francisco dos Santos
António Jervis Pinto Basto
António Moreno
António Muralha
Artur Bivar
Augusto Nobre
Avelino de Sousa
Carlos Amaral
Carlos Amaro
Cassiano Neves
Catullo da Paixão Cearense
César Rodrigues
Domingos Alvão
Eduardo dos Santos
Eduardo Libório
Eduardo Schwalbach Lucci
Ernesto Sales
F. Palyart Pinto Ferreira
Francisco Alberto da Costa Cabral
Francisco Augusto Garcês Teixeira
Francisco Nogueira de Brito
Francisco Nunes da Rosa
Francisco Xavier Anacleto da Silva
Jaime Câmara
Jaime de Sousa
J. Cardoso Gonçalves
J. M. de Oliveira Simões
João Duarte de Oliveira
João Higino Ferraz
João Maria Loureiro
João Pinheiro
João Pinto Rodrigues dos Santos
Joaquim da Costa Carregal
José Bacelar
José de Brito
José de Sousa Guimarães
José Maria Alves Caetano
José Maria Nunes
José Simões Coelho
Júlio Rosa Bernardo
Luís António Rebelo da Silva
Manuel António de Morais Neves
Manuel Rodrigues
Manuel Sardinha
Marck Athias Biografia
Maria do Carmo Torres
José Augusto Tito Gonçalves Martins
Martins Júnior
Raimundo Esteves
Rocha Saraiva
Tito de Bourbon e Noronha
Tomás Simões Viana
Fonte: http://projectoadamastor.org/autores-que-entram-em-dominio-publico-em-2017/ 

30/10/2015

Educação Finaceira ?!



Educação Financeira
O Caderno de Educação Financeira, para o 1.º ciclo do ensino básico, foi apresentado no dia 30 de outubro durante as comemorações do Dia da Formação Financeira 2015
Vale a pena conhecer este recurso. 

 http://dge.mec.pt/sites/default/files/ECidadania/educacao_Financeira/documentos/cef1_web_300.pdf 

22/09/2015

Mês Internacional da Biblioteca Escolar (MIBE) - 2015


Mês Internacional da Biblioteca Escolar (MIBE) - 2015


Aproxima-se outubro, o Mês Internacional da Biblioteca Escolar (MIBE) e, com ele, mais uma oportunidade para as bibliotecas demonstrarem amplamente a importância que têm na vida das crianças e jovens, pelo trabalho que desenvolvem nas áreas da leitura e das literacias, no acesso à cultura e no desenvolvimento da cidadania.

O tema definido pela International Association of School Librarianship (IASL) para 2015 é: A biblioteca escolar é super! (tradução adotada pela Rede de Bibliotecas Escolares).

O Gabinete da Rede de Bibliotecas Escolares estabelece 26 de outubro como Dia da Biblioteca Escolar em Portugal, para 201
5.


Neste ano a  Rede de Bibliotecas Escolares propõe 2 desafios (esteja atento):
1 – TOCA A TWEETAR [+]

2 – CELEBRANDO O MIBE [+]

[...] conheça mais consultando - URL: http://rbe.mec.pt/np4/1587.html 

Fonte: RBE

Mais Sugestões :
  • disponibiliza-se nos recursos RBE o recurso: Mês internacional da biblioteca escolar - ideias e sugestões (Biblioteca ativa; 3). Consulte - http://www.rbe.mec.pt/np4/1045.html 


08/09/2015

2015 -16: planificando a intervenção da Biblioteca Escolar

No arranque do ano letivo, e ainda que já tenhamos algumas iniciativas estruturadas das nossas bibliotecas, surgem sempre oportunidades que podem contribuir para a melhoria.

Destacamos, em jeito de síntese, os projetos que apresentam a possibilidade de apresentarem candidatura neste arranque do ano letivo, a saber: 



04/09/2015

(as) nossas iniciativas pedagógicas nesta era digital




Regresso às aulas e iniciativas pedagógicas nesta era digital.

A importância de que se revestem atualmente as tecnologias, mas sobretudo o seu uso seguro, para a aprendizagem formal e informal, é enorme. Na mesma medida de proporcionalidade é fundamental que, como educadores, acautelemos algumas situações de segurança neste mundo em rede … Nada melhor que nos inspirarmos nos especialistas e citando Tito de Morais (Fundador do Projecto MiudosSegurosNa.Net )“A segurança online de crianças e jovens é uma tarefa que deve ser comum às famílias, às escolas e às comunidades em que estas se inserem”

Enunciam-se…

1.  Políticas de Utilização Aceitável
2.   Dar a Conhecer as Regras
3.   Contas, Perfis e Permissões
4.   Identificação & Registo dos Utilizadores
5.   Actualizações de Segurança
6.   Software de Segurança Essencial
7.   Controlos Parentais
  

Leia aqui aqui »»»


07/04/2015

Festa do livro e da leitura na rede concelhia de bibliotecas de Tondela





A Festa do Livro e da Leitura é, por excelência, o expoente máximo do trabalho colaborativo promovido no seio da Rede de Bibliotecas de Tondela.

De 9 a 19 abril,a edição de 2015, disponibiliza durante dez dias momentos de Poesia, de Teatro e de Música. Workshops, Oficinas de Escrita Criativa, Horas do Conto, Dramatizações e Exposições são algumas das iniciativas dirigidas a diversas faixas etárias.
Conheça mais em 
rbt.cm-tondela.pt. ...



Aceda ao programa: 

botao

26/03/2015

Actividades TIC en Matemáticas



http://blog.tiching.com/actividades-tic-en-matematicas/

Actividades TIC en Matemáticas



ada día es más normal encontrar dentro del aula una pizarra digital, un ordenador de aula, ordenadores o tablets para cada uno de los alumnos… El uso de todas estas tecnologías incrementan la motivación del alumno y le hace desarrollar su competencia digital de cara a vivir en una sociedad cada día más digitalizada.
En el aula de matemáticas podemos introducir un sinfín de actividades digitales que ayudarán al niño a una mejor comprensión de los contenidos, a interiorizar de manera más eficaz los mismos y de conseguir un nivel superior de motivación y participación dentro del aula.
TIC y matematicas | Tiching
No debemos olvidar que trabajamos con alumnos menores de edad, que si no disponen de una cuenta de email que les facilita el centro escolar no pueden registrarse en plataformas, por ello os proponemos algunas actividades digitales con las que trabajar en el aula de matemáticas de Educación Primaria de forma segura y eficaz:
  • Concurso de preguntas (Kahoot, Socrative): para repasar algún contenido, para hacer concursos de cálculo mental o para realizar un examen nos encontramos con estas aplicaciones web en la que podremos crear multitud de cuestionarios e incluso buscar cuestionarios hechos por otros usuarios. Los alumnos no necesitan registrarse.
  • Corcho digital (Linoit, Padlet): en él los alumnos pueden crear un mural colaborativo en el que ir añadiendo notas con problemas inventados, preguntas sobre algún contenido dado para que los compañeros puedan responder,
  • Póster digital (Postermywall, Glogster): los alumnos pueden crear sus propios póster con la explicación de ciertos conceptos de manera gráfica y visual así como con esquemas sencillos con los pasos para la resolución de algunos ejercicios. Dichos pósters se pueden posteriormente imprimir y colgar por el aula para que todos los alumnos los tengan presentes.
  • Mapas mentales: (Bubbl.us, Poppletlos mapas mentales ayudan a los alumnos a presentar conceptos o ideas de una manera muy visual e intuitiva. Es una herramienta muy útil para utilizar al final de cada contenido explicado para que los alumnos se hagan una idea global de los visto en clase.
  • Presentaciones colaborativas (Nearpod): herramienta con la que el profesor podrá crear presentaciones y compartirlas con los alumnos a través de tablets o vía web. El alumno podrá seguir la presentación desde su propio dispositivo e interactuar con la misma realizando ejercicios que recibirá el profesor a modo de reporte.
Cuando programemos una sesión con apoyo digital es importante que tengamos muy presente qué contenido queremos transmitir, qué recursos debemos preparar, qué necesidades implica y cómo voy a gestionar y evaluar la actividad digital a realizar por los alumnos. Si llevamos todo atado no tendremos problemas en la introducción de las TIC en nuestro día a día con los alumnos.

13/03/2015

Avaliar para a melhoria - 2014-15


Apoio à avaliação da Biblioteca Escolar (2014-15)

Apresentação usada em sessões de trabalho prático como os colegas, PB, e que lhe foi disponibilizada.
Fica a partilha e aceitam-se sugestões de melhoria

a

20/02/2015

Liberdade de expressão e redes sociais • Prémios 2014


Liberdade de expressão e redes sociais • Prémios 2014

Liberdade de expressão e redes sociais | SIC Esperança

Da nossa rede de Escolas/Bibliotecas, os parabéns para o AE Tondela Cândido de Figueiredo, Tondela

CATEGORIA: Ensino Secundário

1º PRÉMIO - TESTEMUNHO DAS CONSEQUÊNCIAS DAS REDES SOCIAIS [PODCAST]

AE de Tondela Cândido de Figueiredo, Tondela

3º PRÉMIO - COMO SERIA A VIDA SEM AS REDES SOCIAIS [VÍDEO]

AE de Tondela Cândido de Figueiredo, Tondela

Mais informação no portal RBE - http://www.rbe.min-edu.pt/np4/1458.html